Haas com motores Ferrari em 2016
4 Setembro 2014 - José Soares da Costa

A Ferrari revelou que irá fornecer os seus motores à Haas F1 Team, equipa que irá fazer a sua estreia na categoria máxima do desporto automóvel em 2016. A escuderia italiana já havia demonstrado o seu interesse em fornecer as suas unidades de potência a mais uma equipa, recolhendo desta forma mais dados para incrementar a competitividade dos seus motores e unidades de recuperação de energia.

Marco Mattiacci divulgou publicamente este acordo entre a Ferrari e a Haas F1 Team, facto que já há algum tempo se advinhava no paddock da Fórmula 1. A presença de Gene Haas na zona de hospitalidade da Ferrari durante os Grande Prémios e o apoio da Haas Automation à escuderia italiana revelaram o interesse de ambas as partes neste acordo agora assinado.

Segundo Mattiacci, o acordo é válido para vários anos. A duração total não foi no entanto revelada publicamente. De acordo com as palavras de Mattiacci, a Scuderia pretende reforçar o plano de desenvolvimento da suas unidades motrizes com todas as equipas-cliente. A exposição no mercado norte-americano, demasiado importante para ser ignorado pela Ferrari, foi também um dos principais motivos para a assinatura deste acordo.