Ryan Hunter-Reay vence Indy 500!
26 Maio 2014 - José Soares da Costa

Após várias edições ganhas por pilotos das mais variadas nacionalidades, as 500 Milhas de Indianapolis voltaram a ser palco de uma vitória “Made in USA”. Após uma espectacular luta pela vitória com o brasileiro Hélio Castroneves, Ryan Hunter-Reay deu um presente aos inúmeros espectadores americanos presentes no traçado de Indiana.

Com uma primeira metade da corrida disputada debaixo de bandeira verde e sem qualquer tipo de incidentes, foram os acidentes protagonizados por Charlie Kimball (toque no muro interior da Curva 2) e Scott Dixon (despiste à saída da Curva 4) que motivaram as primeiras entradas do Pace Car ao longo da tarde de Domingo.

No recomeço da prova, Townsend Bell tentou surpreender Ed Carpenter na linha exterior da Curva 1. James Hinchcliffe tentou o mesmo, mas na trajectória mais apertada dessa mesma curva. No meio e sem lugar para fugir, Ed Carpenter acabaria por tocar em Hinchcliffe, levando ao consequente despiste e abandono dos dois pilotos.

Townsend Bell voltaria a protagonizar mais uma situação, ao sofrer um acidente na Curva 2 e obrigar a nova entrada do Pace Car. A prova viria a ser mesmo neutralizada com uma bandeira vermelha, em virtude dos numerosos detritos presentes na pista.

Com cerca de 8 voltas por completar, a corrida foi reiniciada atrás do Pace Car. Durante duas voltas, os pilotos preparam-se atrás do Pace Car para o sprint final de 6 voltas, onde seria finalmente decidido o vencedor da 98ª edição das 500 Milhas de Indianapolis. Ryan Hunter-Reay, Hélio Castroneves e Marco Andretti eram os principais candidatos à vitória.

Hunter-Reay e Castroneves trocaram de posições por diversas vezes ao longo das 6 voltas. Marco Andretti, na 3ª posição, encontrava-se na expectativa, podendo aproveitar qualquer incidente entre os dois pilotos. À entrada da última volta, Ryan Hunter-Reay liderava mas Hélio Castroneves estava por perto.

Os dois pilotos viriam a terminar a prova separados por 6 décimas de segundo, tendo o norte americano Ryan Hunter-Reay inscrito o seu nome pela 1ª vez no troféu Borg-Warner, o prémio reservado aos vencedores das 500 Milhas de Indianapolis.