Turismo retira apoio ao WRC e WTCC
25 Julho 2014 - José Soares da Costa

Protagonizando um volte-face que poucos estariam à espera, o Turismo de Portugal anunciou a retirada do seu apoio ao Rally de Portugal e WTCC para 2015. Num ano em que a prova de estrada transitará para o Norte de Portugal, a entidade estatal anunciou a mudança de estratégia no seu apoio, focando-se agora noutros investimentos, como a base da Easy Jet que será instalada no Aeroporto Francisco Sá Carneiro.

Com o valor do apoio do Turismo de Portugal a cifrar-se em cerca de 1 milhão de euros, cabe agora ao Automóvel Club de Portugal a dificil tarefa de cobrir o montante em falta, sob pena da prova não ir para a estrada em 2015. De referir ainda que o custo total da prova, anunciado por Carlos Barbosa na última conferência de imprensa, rondará os 3.6 a 3.8 milhões de euros, mais 500 mil euros do que na edição de 2014.

Além do Rally de Portugal, está também em causa a presença do WTCC no Circuito da Boavista, previsto para 2015. Ainda sem qualquer anúncio relativamente a um eventual contrato assinado com a Eurosport Events, permanece a incerteza quanto à realização deste evento. De relembrar que no passado recente, a autarquia havia reafirmado a importância do Turismo de Portugal na presença do WTCC no Porto, dado que a autarquia era incapaz de cobrir a totalidade dos custos envolvidos na organização desta prova.