Uma visita a Goodwood…
5 Julho 2014 - José Soares da Costa

O Goodwood Festival of Speed, criado pelo Lord March em 1993, reúne todos os anos um conjunto inigualável de viaturas de competição e de estrada, capazes de deixar qualquer adepto digno desse nome de boca aberta. A edição de 2014 não foi diferente, contando com uma forte presença das mais importantes marcas do mercado, bem como as melhores equipas de competição do mundo. A vertente histórica esteve também presente como seria esperado, com viaturas que relembraram outros eras da competição automóvel.

Há 21 anos atrás, Lord March planeou o regresso da competição automóvel a Goodwood…com uma vertente radicalmente diferente, lúdica. Estava criado o Goodwood Festival of Speed, um evento que trazia de volta as máquinas de competição a uma localidade repleta de história no automobilismo britânico. Sem as permissões necessárias para organizar corridas no circuito de Goodwood, Lord March optou por criar uma rampa na sua própria propriedade. Um reduzido número de pilotos e viaturas históricas foram escolhidas para esta primeira edição do FOS, realizada a 13 de Junho de 1993 e que contou com cerca de 25 mil espectadores.

Desde então, o evento ganhou notoriedade mundial e assumiu o seu devido lugar no calendário automobilístico internacional. As principais equipas e pilotos não hesitam na sua participação num evento que atingiu um número recorde de espectadores em 2003: 158 mil espectadores. Evoluindo sempre ao longo dos anos, a organização introduziu em 2005 uma classificativa para viaturas de rali, em paralelo com a rampa destinada às viaturas de velocidade. Nick Heidfeld estabeleceu o recorde para este mesmo percurso em 1999, ao volante de um Mclaren MP4/13: 41.6 segundos, com um média de 161 km/h.