WTCC visita Nordschleife em 2015
20 Junho 2014 - José Soares da Costa

Será já em 2015 que o “Inferno Verde” voltará a receber uma prova de um Campeonato do Mundo FIA. O WTCC irá contar com uma prova realizada no antigo traçado de Nürburgring (Nordschleife ou anel norte, em português), cuja distância total ronda os 25 km. Um desafio que agradou bastante aos actuais pilotos e que por certo trará novas dificuldades, desconhecidas até agora, a todo o pelotão do WTCC.

Criado em 1927, o Nürburgring rapidamente ficou conhecido em todo o mundo pelas exigências colocadas a cada um dos pilotos que o enfrentava. Originalmente composto pelo Nordschleife (anel norte) e Südschleife (anel sul), apenas o primeiro resistiu às obras efectudas em 1984. O resultado foi a criação de um traçado mais pequeno, actualmente utilizado nos Grandes Prémios de Fórmula 1 e noutras competições nacionais.

Nas últimas duas décadas, o Nürburgring Nordschleife recuperou a popularidade através da realização das 24 Horas de Nürburgring (prova anual, disputada de acordo com os regulamentos do campeonato VLN), do fenómeno dos videojogos e dos inúmeros pilotos (profissionais ou amadores) que através de uma pequena quantia, podem percorrer a totalidade do percurso, nos seus automóveis, num qualquer dia de semana.

Os 1000 Km de Nürburgring foram a última prova internacional com chancela FIA a realizar-se no antigo Nordschleife, em 1983. Nesse mesmo evento, Stefan Bellof registou o tempo de 6m25.91s, que ainda hoje permanece como recorde. Com o regresso do WTCC em 2015, a antiga pista voltará a receber as mais altas figuras do automobilismo internacional. O WTCC integrará o programa das 24 Horas do Nürburgring e terá apenas uma única corrida agendada, com 5 voltas (cerca de 120km de distância) e uma paragem obrigatória nas boxes.