Hélder Rodrigues ganha 9ª etapa do Dakar
14 Janeiro 2015 - José Soares da Costa

Na 9ª etapa do Dakar, mais um triunfo de um piloto português nas motos. Hélder Rodrigues somou mais uma vitória e ajudou Paulo Gonçalves a recuperar um terço do tempo que o separava de Marc Coma. A 1ª posição encontra-se agora a apenas 5 minutos de distância. Quanto aos automóveis, Nasser Al-Attiyah reforçou a sua liderança da prova, num dia em que Nani Roma voltou a vencer mais uma etapa.

As equipas enfrentaram o deserto do Atacama, no Chile, numa etapa que ligava Iquique a Calama. Nani Roma entrou completamente ao ataque, na tentativa de vencer esta etapa. Enquanto isso, Nasser Al-Attiyah controlou o andamento de Giniel de Villiers, que rodava bem perto do piloto do Qatar.

No entanto, nos últimos 100 Kms tudo mudou e Giniel de Villiers perdeu cerca de 20 minutos. Com isso Nani Roma distanciou-se ainda mais de Nasser Al-Attiyah, que diminuiu o ritmo e terminou o dia com o 2º melhor tempo, a 6m27s do piloto espanhol. Guerlain Chicherit, no buggy da X-Raid, alcançou o 3º melhor tempo, a 14m09s do melhor registo do dia.

Na classificação geral, Nasser Al-Attiyah lidera com 23m58s de vantagem sobre Giniel de Villiers. Yazeed Al-Rajhi mantêm-se na 3ª posição, a 39m29s de distância do 1º classificado, após uma etapa onde terminou com o 6º tempo e perdeu 27m16s para o piloto mais rápido. Carlos Sousa perdeu 1h32m na 9ª etapa e encontra-se agora na 8ª posição, a 3h33m de Nasser Al-Attiyah.

Nas motos, Hélder Rodrigues somou mais uma vitória lusa no Dakar e também ajudou o seu colega de equipa Paulo Gonçalves, o 2º classificado da 9ª etapa, a aproximar-se da liderança da prova. Gonçalves encontra-se agora a apenas 5m28s de distância de Coma, após ter recuperado cerca de 3 minutos ao longo desta etapa. O piloto espanhol terminou o dia com o 3º melhor registo. Quanto a Hélder Rodrigues, encontra-se agora na 12ª posição, a 3h18m de Coma. Ruben Faria é 7º, a 1h41m do seu chefe de fila.

A próxima etapa maratona será decisiva para a classificação geral, uma vez que os 3 companheiros de equipa de Paulo Gonçalves irão unir esforços, à semelhança do que aconteceu na 9ª etapa, para que este possa ganhar tempo e eventualmente ascender à liderança. Quanto a Marc Coma, apenas poderá contar com a ajuda de Ruben Faria, muito embora este parta atrás do piloto espanhol para a 10ª etapa.

Nos quads, Ignacio Casale voltou a perder tempo para o seu rival polaco, Rafal Sonik. O piloto chileno foi apenas o 4º classificado na 9ª etapa, a 26m24s do piloto mais rápido do dia, Victor Lozic. Quanto a Rafal Sonik, ficou-se pelo 2º melhor registo, a 15m35s do vencedor da etapa. Sergio Lafuente alcançou o 3º melhor tempo, intercalando os principais candidatos à vitória no Dakar. Na classificação geral, Sonik lidera com 4m de vantagem sobre Casale e 52m16s sobre Lafuente.

Entre os camiões, Airat Mardeev somou mais uma vitória numa etapa, tendo batido o seu colega de equipa Eduard Nikolaev por apenas 1m29s. Gerard de Rooy e o seu IVECO completaram o pódio do dia, tendo perdido 7m05s para Mardeev. Na classificação geral, Mardeev mantêm-se na liderança com 14m10s de vantagem sobre Nikolaev. Andrey Karginov é o 3º classificado, a 20m42s do líder da categoria.